Condomínio Ilha do Sol - Itaparica - Bahia

Informativos

Publicada em 21 de Dezembro de 2017 ás 10:40:34
Share

Comunicado do Síndico 20.12.2017

 Caros(as) Condôminos(as), Saudações !!

 
Próximo a encerrarmos o presente ano e, também, chegando ao final do mandato da atual Administração, cumprimento em nome de toda equipe a frente do Condomínio nesses últimos dois anos, cada um dos senhores(as), oportunidade em que desejo a todos felicitações plenas pelos festejos de final de ano.
 
Segue em anexo ao presente e-mail, edital convocatório no 02/2017, para a assembleia geral ordinária de janeiro /2018.
 
Aproveito a oportunidade para esclarecer alguns pontos relativos ao nosso Condomínio.

REDES SOCIAIS: Por ser um meio de comunicação mais célere a abrangente, o que, nos dias atuais termina por facilitar as informações de modo a atingir um maior número possível de pessoas, os informes quase que diários, tem sido compartilhados na nossa página oficiosa do facebook. Dessa forma, importante que cada um participe ativamente e possa inteirar-se do nosso dia-a-dia, além discutirmos diversos assuntos relacionados à política, culinária, meio ambiente, segurança pública, etc...... Nos últimos dias, algumas inconsistências apresentaram na nossa página (alguns “amigos” sem conseguir acesso; outros, apesar de solicitada a amizade e aceita, não houve o devido cadastramento), situação que já foi reportada aos administradores do facebook, além da localização do condomínio apontar, equivocadamente, como sendo no estado R.J. Mas, mesmo assim, o sucesso tem sido total.
 
DESERTIFICAÇÃO DA RESTINGA: Há alguns meses, notamos uma desertificação assustadora na restinga que cobre toda extensão do ILHA DO SOL, mais precisamente com frente as quadras A-III e A-VII (situação bem acentuada na frente da quadra A-V, próximo aos chuveirões). A matéria foi abordada e discutida, de forma preocupante, na última assembleia de setembro. Sabemos que a restinga é uma vegetação que compõe a FLORA brasileira, sendo esta protegida em todo litoral brasileiro, por lei federal de 1963. Demais disso, é um solo POBRE EM NUTRIENTES e ÁCIDO, principalmente em se levando em conta a vegetação mais acentuada próximo às praias, como é o caso da nossa. Aqueles condôminos mais antigos do ILHA DO SOL, são testemunhas de que a nossa restinga, há 15 ou 20 anos passados, tinha praticamente o dobro da extensão entre a passarela e a praia. A bem verdade, diversos fatores tem agravado a situação da nossa restinga, considerada, há alguns anos passados, pelo IBAMA, como uma das mais preservadas na Ilha de Itaparica......que, dentre eles, podemos citar: 1) sombreamento excessivo nas áreas mais atingidas, em decorrência de muitos pés de cocos (estes, de origem asiática e que foram trazidos para o Brasil por volta de 1553) que ali foram introduzidos, cujas copas, na fase adulta, tem bloqueado a passagem do sol. Não obstante, é sobejamente sabido que os coqueiros consomem (cada pé), em média, de 20 a 40 litros de água do solo e que suas raízes se expandem à flor do solo, sugando nutrientes, água e dominando as áreas de areia e terra ao seu redor; 2) vários banhistas, muitos dos quais de outras localidades mas que buscam a nossa praia devido à qualidade local (como limpeza; orientador de praia e uma praia com condições de banho ideais para crianças, adultos e idosos), passaram a utilizar os coqueiros da restinga como ponto para pique niques e permanência como abrigo do sol, cujo pisoteamento da vegetação da restinga tem causado sua destruição. Para que possamos ter uma ideia da situação, até veículos com circulação irregular nas praias (Lei Municipal 827/2010 e o CBT proíbem tais práticas), já foram estacionados por seus proprietários sobre a restinga e sob alguns coqueiros, o que ensejou a necessidade de, imediatamente, acionarmos a Polícia Militar para coibir tais práticas (de veículos nas praias e a destruição da vegetação da restinga); 3) aumento do nível do mar, que, a cada ano, avança sobre as áreas litorâneas, em decorrência do triste agravamento doaquecimento global fruto das inconsequências das ações da espécie humana (para tanto, vejam o que está acontecendo em Santa Catarina nos últimos anos e com matéria no programa FANTÁSTICO da rede globo do último dia 17-12-17). Dessa forma, precisamos discutir, urgentemente, medidas que possam representar soluções imediatas para: 1) tentarmos recompor as áreas atingidas; 2) buscarmos soluções para, ao menos, levarmos adubação e nutrientes ao solo atingido e empobrecido (cuja orientação deva partir de profissionais especializados na mata atlântica / restinga; 3) resolvermos, em parte, a redução do sombreamento existente (alguns coqueiros foram retirados a fim de evitarmos o agravamento da situação); 4) barrarmos acesso de pessoas / banhistas à restinga. Tais discussões deverão seguir a pauta da nova Administração do ILHA DO SOL para biênio 2018/2019.
 
RÉVEILLON/2018: Faltam exatamente doze (12) dias para os festejos do RÉVEILLON/2018. Para tanto, estamos monitorando a maré e o vento, considerando a queima de fogos. Buscando maior segurança para todos, este ano estaremos estendendo o local da queima para próximo à divisa entre o ILHA DO SOL com a ACEB, considerando ser ali uma área com menor movimentação de pessoas e casas, máxime pelo fato de termos, provavelmente, uma maré alta (o que implica em menor faixa de areia) e o fato vento (cujo mapa de previsão da velocidade pelo windfinder ainda não está disponível com referência ao dia 31.12.17 e 01.01.2018) . Também estaremos colocando tapumes de madeira como barreira de proteção, afinal, segurança nunca é demais. Por sua vez, apesar dos esforços, não conseguimos alugar / comprar gerador para deixarmos em stand by , uma vez que nesta época do ano o valor do aluguel é assustador e a logística para aluguel em um único dia é inviável economicamente; já a compra, além do alto valor, dependíamos das especificações técnicas da aparelhagem de som da “boite”. Resta, assim, apostarmos e acreditarmos na concessionária COELBA para que haja um fornecimento regular da energia elétrica.
 
TORRE DE AVISTAMENTO / MONITORAMENTO ÁREA DE PRAIA: Conforme deliberado na assembleia de setembro p.p., foi edificada uma torre na área de praia (na área de banhistas) toda em eucalipto autoclavado, onde o ORIENTADOR DE PRAIA deverá permanecer, possibilitando uma maior visibilidade da área monitorada. Por sua vez, essa mesma torre deverá ser utilizada por vigilante / segurança no decorrer dos demais períodos das altas e baixas estações, como há anos vinha sendo sugerido por alguns condôminos. O primeiro passo foi dado, cabendo à nova Administração deliberar como proceder, atendendo aos anseios da coletividade.
 
DESFIBRILADOR PORTÁTIL: Muito tem se falado em termos, na administração do ILHA DO SOL, um desfibrilador portátil. Tais equipamentos vem sendo amplamente instalados e disponibilizados em locais com grande concentração de pessoas, a exemplo de aeroportos, rodoviárias, estádios diversos........Na ilha, devido à carência na área de saúde pública, a disponibilização de um equipamento desse porte é de suma importância, máxime após consultarmos uma condômina que é médica cardiologista e intensivista (de UTI cardíaca) que eu parecer favorável e necessário termos, se pré-dispondo, apesar de tais equipamentos serem auto explicativos, a ministrar curso de uso e procedimentos nos primeiros socorros para todos os empregados e condôminos (estes, os que queiram participar). A Polícia Militar sabendo dessa nossa intenção, pontuou como de extrema importância termos tal equipamento a disposição de todos no nosso condomínio. Tal aporte financeiro está previsto para o mês de janeiro ou fevereiro de 2018, valendo lembrar que o custo gera em torno de R$7.000,00 que poderá ser dividido ou se obter desconto para pagamento à vista. De igual modo, ficará para a nova administração encampar a ideia / necessidade, sendo que este missivista, na qualidade de condômino, se coloca à disposição para auxiliar na implantação do mesmo.
 
UMA VEZ ADQUIRIDO TAL EQUIPAMENTO, QUE NUNCA TENHAMOS A NECESSIDADE DE SEU USO, MAS UMA ÚNICA VIDA QUE POSSAMOS SALVAR REPRESENTA O SUCESSO DA IDEIA !!
 
Um forte abraço a todos e, humildemente, agradeço todo apoio e críticas construtivas que sempre obtive dos condôminos em geral (em sua grande maioria ou quase que totalidade) nesses últimos quatros anos que estive a frente do ILHA DO SOL, e mais dois em 2006/2007, dando o melhor de mim com muito amor, transparência, participação e mostrando o potencial que nossa localidade é detentora. Deixo, ainda, um agradecimento especial à Polícia Militar da Bahia que, nesses seis anos de trabalho árduo e abnegado, esteve presente ao lado da nossa Administração e de todos os condôminos do ILHA DO SOL, trazendo a presença do estado constituído representado por policiais sempre polidos, compromissados e atuantes na nossa ilha.
 
Me despeço com um singelo e especial 
 
MUITO OBRIGADO !! 
 
Fraternalmente,
 
Baraúna
Síndico Adm. 2016/2017 – O TRABALHO SÉRIO CONTINUA
 s.barauna@uol.com.br
condoilhadosol@uol.com.br
 


Ilha do Sol

 

Leia Também

 
Condomínio Loteamento Ilha do Sol
KM-20, da BA-001 –  Barra Grande – Vera Cruz /Bahia Ilha de Itaparica - Bahia - Brasil
CEP 44470-000 / Tels. (71)3638-2498 / (71)9931-9111
Supervisão: 71 98828-8473 / Segurança 24 horas: 71 988285022
E-mail: condoilhadosol@uol.com.br